Blog

Réveillon de 2020 e o Coronavírus!

Réveillon de 2020 e o Coronavírus!

Palestrante Comportamental Irlei Hammes Wiesel  lembra da festa de Réveillon de janeiro de 2020 e a pandemia três meses depois. A noite de Réveillon é sempre um acontecimento super festejado em meio a fogos, aglomerações, abraços, promessas e muita esperança.

Este ano, não foi diferente, brindamos a chegada de 2020, com uma crença fervorosa no sucesso e na realização de grandes projetos. O otimismo e a alegria espalharam-se pelo mundo, ao som das taças de espumante e fogos de artifício.

Brindava-se prosperidade, saúde, viagens, negócios, sucesso financeiro, aquisição da casa própria, móveis novos, compra ou troca do carro, a compra de uma casa na praia, climatização, mais uma tv, celular novo, renovação do closet,  adega, vinhos, espumantes, festas, enfim, desejos e sonhos materiais, em listas secretas.

O ano de 2020 prometia de imediato a realização de pequenas e grandes metas. A minha comemoração era intensa, levantei a taça tão alto que quase toquei à lua. Senti, como sempre, o direito e o merecimento de acreditar no ano que chegara.

Assim como eu, o mundo se unia numa energia de recomeço. Passados quase três meses, eu me encontro diante do inesperado. Uma pandemia me obriga a parar e ficar em casa.  Meus projetos brindados no ano novo, estavam a todo vapor. O Brasil e seus muitos estados, estavam abertos ao meu produto. Brindei cada interesse manifestado, cada intenção de fechamento de palestra, cada cotação. A cada negociação me certificava que meu brinde pra lua estava dando certo.

Contudo, eu e todos os estados desse imenso Brasil, não contávamos com a impossibilidade de aglomerações.

Na noite do brinde, não havia nenhuma restrição, por isso eu e vocês sonhamos livres. Coisa boa!!!! Porém, a realidade nos impõe reclusão, nada de aglomeração. Aprendemos o termo reagendar para substituir a triste expressão cancelar.

Acredito que a vida tem seu poder de ação, por isso não devemos ser presunçosos na criação de metas. Sim, devemos levar em conta a força da vida, não somente nosso desejo pessoal. Somos imensos, fortes e poderosos, mas acima de nós há algo que se movimenta. O invisível cocriando realidades para auxiliar na nossa evolução.

- Em tempos de pandemia, há de ter algo em mim, que precisa dessa experiencia difícil!

- Será que essa pandemia poderá servir de terreno fértil para minha evolução?

E você, que também brindou o ano novo, está reclamando ou aproveitando essa areia movediça para refletir? Lições, lições, lições.

http://www.irleiwiesel.com.br

http://Irlei Hammes Wiesel - Palestrante

https://bit.ly/336c33s


Newsletter

Receba novidades da palestrante Irlei Wiesel em seu e-mail

© 2015. Irlei Wiesel. Todos os direitos reservados.